Blog Felipe Azevedo - Opinião e informação de Juazeiro, Crato, Barbalha, Cariri e Ceará!
Cid enterra o PT no Ceará, chama eleitor de babaca e Camilo... tira selfie
Governador atendeu pedido de eleitora no momento de maior tensão política desde o fim do primeiro turno
date_range16/10/2018 às 13:26

Mulher pede foto a Camilo durante discurso inflamado de Cid Gomes (Foto: Reprodução)

Tomou as redes com rapidez o vídeo onde o senador eleito Cid Gomes (PDT), chama um petista de babaca, manda o PT fazer mea-culpa e diz que o partido de Fernando Haddad vai "perder feio" as eleições. Entre outras, o irmão mais novo e do mesmo partido de Ciro acusa o PT de aparelhar as repartições públicas e querer ser dono do Brasil. Ufa! 

Tudo isso ao lado do maior líder petista cearense, o governador reeleito com recorde de votos, Camilo Santana, afilhado dos FG´s na política. Uma saia mais que justa pela qual teve que passar o governador.

O curioso, no entanto, foi que no momento do discurso inflamado de Cid, no Marina Park Hotel em Fortaleza, na noite desta segunda-feira (15), uma mulher "distraiu" Camilo, que fez selfies totalmente alheias à gravidade do que estava sendo dito a dois metros dali.

Como se ninguém lembrasse, Cid disse que o Lula está preso e culpou o PT pelo fenômeno bolsonarista. 

Se ventilou a possibilidade de um rompimento entre as siglas, inclusive pelo deputado federal reeleito pelo partido de Lula, José Guimarães. É improvável, no entanto, que Camilo entre em colisão com o PDT cearense. O partido fez maioria na Assembleia Legislativa, tem boa parte das prefeituras do estado e é onde está Cid, principal via de recursos em 2019 em Brasília, principalmente em um governo de Bolsonaro. 

Veja o vídeo:

 

Sobre
Jornalista formado pela Universidade Federal do Cariri. Atuou como estagiário na Cariri Revista e revista Casa Cariri. Membro do Laboratório Comunicação, Arte e Política da UFCA, onde foi bolsista por dois anos na Assessoria de Comunicação. Manteve os blogs Bloco de Nota e o Nota de Rodapé. Escreve sobre cotidiano, política e bastidores no Site Miséria desde 2016.