Blog Felipe Azevedo - Opinião e informação de Juazeiro, Crato, Barbalha, Cariri e Ceará!
Prefeito de Santana do Cariri tenta mostrar força; moradores continuam ansiosos por nova realidade
Via Facebook, prefeito passou a mostrar serviço e convocou coletiva para apresentar balanço
date_range12/11/2018 às 23:04

Estreante na política, Pedro Henrique passou a apostar em redes sociais para mostrar serviço (Foto: Reprodução / Facebook)

Com quatro meses de gestão, o novo prefeito de Santana do Cariri, Pedro Henrique (MDB), pouco ou quase nada disse a que veio. Depois de um certo período de um início de gestão calada e com ações tímidas, decidiu usar o Facebook para mostrar serviço. É válida a publicidade dos feitos, e mais importante ainda são ações efetivas para mudar a realidade já sofrida do município que cassou recentemente a antiga gestora.

Com ares de renovação, a gestão do estreante Pedro Henrique mantém os mesmos problemas. Entre eles o da saúde pública, decerto um problema nacional, mas que em sua particularidade prejudica o cotidiano dos moradores que elegeram a chapa emedebista. Após críticas, polêmicas com o tio presidente da Câmara e desgastes na gestão, preferiu gravar um vídeo pedindo união e proteção divina no Facebook.

Parece pouco, no entanto, o efetivo trabalho apresentado pelo prefeito. Para fazer um balanço do Executivo até o momento, convocou o que seria uma entrevista coletiva no Pontal de Santa Cruz. Apresentou projetos de pavimentação, disse ter estabelecido prazos pare retomada de obras e destacou empenho para se livrar uma inadimplência de R$ 10 milhões das gestão passada.

É certo que o prefeito de primeira viagem tem muito a fazer. É também estabelecido, no entanto, que postagens no Facebook não são exatamente a melhor maneira de mudar a realidade de Santana do Cariri e cortar o próprio salário configura-se mais em promoção pessoal do que efetivo bem coletivo.

Sobre
Jornalista formado pela Universidade Federal do Cariri. Atuou como estagiário na Cariri Revista e revista Casa Cariri. Membro do Laboratório Comunicação, Arte e Política da UFCA, onde foi bolsista por dois anos na Assessoria de Comunicação. Manteve os blogs Bloco de Nota e o Nota de Rodapé. Escreve sobre cotidiano, política e bastidores no Site Miséria desde 2016.